domingo, 12 de setembro de 2010

Tic tac

O que dizer sobre o tempo? [clichê mode on] Só o tempo dirá. [clichê mode off] (In)felizmente, isso é verdade. Quando não sabemos mais o que fazer só nos resta esperar que o tempo passe. Quem nunca sentiu o tempo fugir quando estamos nos divertindo, ou durar uma eternidade quando fazemos algo de que não gostamos. [clichê mode on] O tempo passa, o tempo voa. [clichê mode off] Ao mesmo tempo, ele... o tal, nos domina. Ele rege nossa vida desde o instante de acordar até o momento de dormir. Mesmo os mais espertos que vivem sem olhar para o relógio e acordam na hora que querem, comem na hora que sentem fome e vivem no ritmo da vontade, mesmo eles são pegos pelo tempo. Pois o tempo passa independentemente da nossa vontade. As vezes queremos que passe, as vezes queremos ganhá-lo. Será que vai dar tempo? Dizem também que tempo é dinheiro, obviamente que somente o é para aqueles que são escravos dele, mas essa é só a minha humilde (ou ignorante) opinião. Há que diga também que tudo é uma questão de "gerenciar o tempo". O engraçado nisso tudo é que o tempo não é de ninguém e é de graça, mas está sempre nos faltando tempo. Falta tempo pra escrever, falta tempo pra comer, falta tempo dormir, falta tempo pra amar, falta tempo pra viver. Falta tempo. Por que sempre precisamos sacrificar alguma coisa pelo tempo? Me dá um tempo! Nessas horas tudo o que eu queria era matar o Tempo, assim eu podia ficar só matando tempo. Todo mundo algum dia já lamentou por te perdido tempo com alguma coisa. Tempo inútil. Com a mesma intensidade todo mundo também já desejou poder fazer algo com mais tempo... Mas como sempre, não podemos exigir demais, tudo a seu tempo. E agora eu pergunto: O que você faria se tivesse mais tempo?

3 comentários:

poetamatematico disse...

É, gostei

Reflexões sobre o tempo

poetamatematico disse...

Eu escreveria livros, se tivesse mais tempo

[M]. Atahualpa disse...

Cara, em primeiro lugar obrigadão por ter aparecido no meu blog. Num sei de onde tu surgiu, mas o comentário que tu deixou e o conteúdo que andei lendo por aqui me cativaram bastante.

Vou continuar voltando aqui. Cuide-se, fica na paz broto!